quinta-feira, maio 30, 2013

Mr. Lincoln's Costume Shoppe

Fotos do passeio à Mr. Lincoln's Costume Shoppe que fiz tempinho atrás.
Sabe aquelas lojas que a gente vê em filmes, com fantasias, máscaras, sapatos, maquiagem, bonecos e tudo mais que temos direito?!  Se tu tá em Memphis (rua Florence, #29, Midtown) esse é o lugar pra encontrar uma verdadeira aventura visual.

Me prometi voltar lá e assim o farei quando estiver na cidade que tanto sinto falta!
Por agora deixo vocês com umas poucas fotos
 (na ocasião embora eu tenha adorado conhecer o lugar eu estava super mal por causa de um ser que eu achava ser meu namorado, blah blah blah. da próxima vez compenso e me divirto/acabo mais).

 simplesmente adorei essa máscara!!
devia ter comprado




 minhas mãos são tão grandes quanto as dele
#medo



terça-feira, maio 28, 2013

Flickr - Julho 2008

Flickr mudou o layout e ficou simplesmente uma droga! Nem tem como ver a data de quando as fotos foram postadas.... botei aqui no título julho de 2008 porque no post sobre Flickr anterior foram fotos de junho :/
O Yahoo comprou o Tumblr e acharam que a galera ia gostar de uma novidadezinha no Flickr (isso, entre outras coisas, porque as pessoas ROUBAM fotos do Flickr e postam no Tumblr (e esse é o motivo de eu ter mudado minhas mais de 16mil fotos e deixado todas invisíveis, não tô afim de ver foto minha roubada de lá e postada em outros sites - ok, sei que podem pegar aqui mas um blog no meio do oceano de blogs é bem menos que as fotos no Flickr))....acontece que pelo que ja li a maioria das pessoas também está detestando.

Seja como for, sigo com a tradição das antigas e posto mais algumas fotos do meu álbum aqui.

 sensualizando com os namorados extra-terrenos
acho que essa foto é de 1999

 terrir que participei em 1997 no teatro Ruth Escobar
uma droga! das piores peças que ja participei (mas o bom da coisa foi que aprendi a tomar a dianteira quando tenho a possibilidade, deixar que os outros decidam coisas por mim tá dificil hoje em dia, boa parte dessa minha atitude veio depois da vergonha dessa peça)

 eu usava uns ativadores de cachos e ficavam super lindinhos....
mas por conta de um trabalho que fiz ano passado meus cabelos estão lisos e ao invés de uma progressiva botaram nos coitados uma definitiva. Tô naquela fase de esperar crescer pra poder tirar a química toda do cabelo, por agora vou fazendo escova pra igualar:/


 eu postava isso no meu mural do Orkut
adorava tirar onda com os stalkers, tinha gente que vivia me 'visitando' todo dia.... queria que também tivesse isso no FaceBook

 Bi ainda bebê (ele tem 16 anos agora) com Zuleika (que infelizmente sumiu :/ )
finalzinho de 1996


nem vou começar a falar cobre 'coração' ou o post vira uma choradeira só....
=^.^=

segunda-feira, maio 27, 2013

Sun Studio (p.2)


Lugar mágico em Memphis que há décadas atrai não só artistas do mundo todo mas também turistas, gente querendo reviver um pouco da época mágica da música...

Algum tempo atrás visitei Sun Studio e, claro, adorei!!! O lugar não só ainda funciona como estúdio para gravação e tem um mini museu que de mini é só o espaço visto que a grandeza do que o lugar ja produziu é incalculável.
AQUI um post com mais da história e fotos.







 Orbison que tanto adoro!


 hahahhahahaha pra terem botado esse cartazinho nem quero imaginar o que ja foi encontrado nos canos do banheiro
 não sou de fazer esse tipo de foto... mas quando faço é bem besta como essa lol



 frente do lugar

foto do quarteto milionário
e Silvia Cássivi como participação especial.

sábado, maio 25, 2013

Pra constar

Tem faltado tempo pra vim atualizar o blog e sobrado fotos pra postar...

Aqui ficam algumas só pra constar. Vou tomar uma boa dose de vergonha e aproveitar que ficarei em casa em pleno sábado  à noite e vou editar as fotos que tenho aqui (literalmente centenas) e logo logo posto mais ;)


 hostess pra Modalité na feira Hair Brasil 2013

meio tênis, meio sapato
tô procurando faz tempo, esse da foto era um número menor que o que calço.... o sapatinho é bonitinho e num trabalho que não precise de salto seria perfeito

imagina uma pessoa que bota isso no sandwich e tu vai saber o quanto gosto de alho.
tô vendo o dia de eu comer a coisa pura.... 

frio chegou, piscina fechou....
em setembro eu nado em você ;)


sábado, maio 18, 2013

Jardim Botânico do Rio de Janeiro

Embora não faça parte da rota principal de turismo de quem vai ao Rio de Janeiro eu mais que recomendo um passeio ao Jardim Botânico! Pela bagatela de 6$ pode-se entrar em outro mundo... 
Ja há algum tempo que queria visitar o lugar mas nunca tinha tempo (como dito, não é dos lugares mais atraentes ao 'turismo popular' mas dessa vez encontrei uma companhia das que poderia ir comigo e, embora o jardim seja lindo e super romântico, foi só passeio mesmo :/ (mas nada de 'cânico', logo volto e com companhia melhor/romantiquinha)).


Com a proclamação da república brasileira (1889), no ano seguinte (1890), passou a ser denominado como Jardim Botânico. A partir de então, receberia diversos visitantes ilustres, como Albert Einstein (maio de 1925) 21 e a rainha Isabel II do Reino Unido (novembro de 1968),22 entre outros,23 transformando-se em cartão-postal da cidade. Entre os nomes de pesquisadores que lhe estão ligados destaca-se o de Manuel Pio Correia.
O Jardim Botânico do Rio de Janeiro encontra-se tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional desde 1937.
Em 1991, a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura considerou-o como Reserva da Biosfera. Naquele momento, quando o jardim passava por dificuldades de manutenção e conservação, um grupo de empresas públicas e privadas formou-se para auxiliá-lo. Como resultado das parcerias, em 1992 o orquidário e a estufa de violetas foram renovados, além de procedida uma limpeza no lago. Em 1995, foi construído o Jardim Sensorial, com plantas aromáticas e placas indicadoras em braille, permitindo a visitação por deficientes visuais. Posteriormente, uma nova estufa para as bromélias foi construída. No início do século XXI, o muro do jardim na rua Pacheco Leão foi demolido, dando lugar a uma grade, melhorando a sua integração paisagística com o bairro.
-Wikipédia


 Aleia Barbosa Rodrigues
O seu nome é uma homenagem ao naturalista brasileiro João Barbosa Rodrigues, diretor da instituição entre 1890 e 1909.24 Aléia principal do jardim, e é o cartão de visitas do lugar, ladeada por imponentes palmeiras-imperiais.
A primeira muda de sua espécie a chegar no Brasil foi plantada pelo príncipe-regente dom João, em 1809. Para que o jardim botânico tivesse o monopólio dessa espécie, o então diretor Bernardo José de Serpa Brandão (1829-1851) mandava tirar e queimar todos os seus frutos. Entretanto, à noite, os escravos subiam na árvore, colhiam os frutos e vendiam, na clandestinidade. Esse primeiro exemplar viria a ser derrubado por um raio em 1972. Ascendia então a 38,70 metros de altura. O tronco foi preservado e encontra-se em exposição no Museu Botânico. Em seu lugar, foi plantado outro exemplar, a "Palma Filia".


Em ponto central no encontro das aléias, constitui-se numa das mais belas atrações do jardim. Fabricado na Inglaterra, é constituído por duas bacias. Na maior delas, quatro figuras representam a música, a poesia, a ciência e a arte.
O chafariz foi originalmente instalado na Lapa até que, com a reformulação do Passeio Público (1905), foi instalado no jardim.








sexta-feira, maio 10, 2013

Lab Club

Tom comentou sobre o Lab Club e como ninguém do grupo conhecia o tal lugar fomos todos doidos por diversão.




hmmm sabe aquela idéia antiga de deixar a fila na frente do lugar bem grande pra que quem passe perto imagine que está 'bombando' e o tal lugar é super bacana? Pois é, parece que é isso que os organizadores do Lab pensam. Ficamos na fila por mais de 45 minutos, ja querendo sair embora mas a curiosidade foi maior então ficamos.
Pra entrar é o seguinte: tu fica na tal fila um tempão, aí tu na porta dá seu nome e vai pra outra fila ser revistado e depois vai pra outra fila pegar comanda... não me admira a fila tão longa do lado de fora!!!! Aí tu pensa: wow, o lugar é tão bom assim que o esquema tem que ser 'forte'? --engano teu!







gente feliz na balada
#sóquenão

No site as fotos são bacanas, a divulgação trabalhou bem mesmo em fazer daquele lugar irritantemente cheio, com gente mal educada, péssimo atendimento e música da pior qualidade um lugar que dê vontade de as pessoas quererem ir.
Que tipo de música? funk baixaria, sertanejo e lixos semelhantes que pra dizer a verdade nem sei dar nome aos bois, só posso dizer que o som da pista de cima não prestava e pronto.
Mesmo tendo chegado depois da 1hora da manhã a pista de baixo estava vazia mas a música eletronica não era ruim.... mas até aí ja queríamos ir embora então a galera foi toda pro bar gastar a consumação pra poder fugir do Lab Club.








Aaaaaacontece que o lugar só tinha 1 barman especializado em fazer as bebidas tão divulgadas pela casa. Como assim?!?! Pois é... e dá-lhe mais meia hora esperando pra sermos atendidos (e no final das contas a bebida não tinha nada de mais).
Uma das promoções da casa era um sistema de 'sinal de transito' (ou algo que o valha) e quando mostrassem (sei lá onde) sinal verde era que as tais bebidas elaboradas estariam com descontos (nem lembro se desconto ou double, mas era alguma coisa atrativa assim), pergunto: como 1 barman só iria dar conta da coisa toda? PERGUNTO: COMO UMA BALADA NÃO TEM TAÇAS PRA SERVIR OS CLIENTES?? Tom teve que esperar o barman ir 'caçar' uma taça nas laterais da pista pra poder ser servido (isso depois da ja citada meia hora esperando o antendimento).





O que salvou o lugar foi às 3 e pouco da manhã estar tocando dubstep na pista de baixo (mas o que impossibilitou de ficarmos lá foi o fato de estar super cheia e o chão extremamente escorregadio (isso mais a vontade de fugir do lugar que ainda não tinha passado)).


ainda não entendi o porquê do povo no lugar empurrar tanto.
ok, balada cheia se perdoa isso mas até em lugres vazios as pessoas empurravam quem estava perto :/
(a bebidinha do Tom estava uma delícia (pelo menos isso))



 E no final adivinha o que tinha?! Fila enorme pra pagar e ir embora.
Pessoas chegando e vendo o lugar cheio.... mal sabiam que metade estava ali só na fila e doida pra sair da balada 'bombástica'.

ps: só pra finalizar: a festa se chamava 'Gringo Party' mas só vi/ouvi 1 menina de outro país, o restante da galera nem cara de ser de fora tinha.

***************

depois do Lab Club fomos para ALôca e lá sim nos divertimos (como sempre, aliás).



com Davi e Gabriela, casal lindo!
(e meu olhar de doida)